1. Ir para o conteúdo
  2. Ir para o menu
Bem estar
21 de agosto de 2015

Brasileiros criam sistema gratuito para controlar computadores com movimentos da cabeça

Compartilhar
Criado na Universidade Federal do Ceará, Juca permite controlar o mouse a partir da imagem captada via webcam. Lançamento está previsto para este ano

Os computadores abrem as portas para um universo de informações e comunicação. Mas, para muitas pessoas, o mouse e o teclado podem ser obstáculos intransponíveis.

Felizmente, existem cada vez mais recursos para fazer com que dispositivos tecnológicos se tornem acessíveis a pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.

Pensando em beneficiar milhões de pessoas que têm limitações físicas, professores dos departamentos de Arquitetura, Mídias Digitais e Cinema da Universidade Federal do Ceará (UFC) desenvolveram o Juca, um programa gratuito que permite controlar o computador a partir dos movimentos da cabeça.

Universidade Federal do Ceará - logo oficial - maior

Criado com apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Juca utiliza uma webcam para captar a imagem e os movimentos do usuário para controlar o mouse.

Mas isso não é algo inédito, pois já há programas similares no mercado. Porém, custam cerca de R$ 40 mil ou mais. Ou seja, a principal novidade é que o sistema será distribuído de forma gratuita.

O próximo passo dos idealizadores do projeto – Cristiana Parente, Daniel Cardoso e Natasha Catunda – é concluir o desenvolvimento de um teclado virtual que possa ser utilizado da mesma forma. “Fizemos uma grande pesquisa sobre as letras e sílabas mais utilizadas em nosso idioma e, para facilitar a inserção dos textos, reagrupamos as teclas mais clicadas no centro da tela”, antecipa Cristiana.

A previsão é que o Juca esteja disponível para download gratuito, ainda este ano, nos sites da Universidade Federal do Ceará  e no Catálogo Nacional de Produtos de Tecnologia Assistiva.

comentários comente

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *