1. Ir para o conteúdo
  2. Ir para o menu
Na Mídia
21 de agosto de 2015

Novo site de Nathalia Blagevitch: inclusão sem “coitadismos”

Compartilhar
Criada por nós, da Espiral Interativa, a novidade pretende difundir temas ligados à acessibilidade e à inclusão de maneira leve para os leitores.

Mundo em Espiral | edição 8 | 21|8|2015

Mundo em Espiral - edição 8

 

 

Segundo dados do IBGE, o Brasil tem mais de 45,6 milhões de cidadãos com deficiência. Como é o dia a dia dessas pessoas? Como são tratadas? Onde elas estão? Essas e outras perguntas inspiraram a criação do Caminho Acessível. O site foi desenvolvido por nós para Nathalia Blagevitch, advogada paulistana de 24 anos, que nasceu com paralisia cerebral e, por isso, tem mobilidade reduzida no lado direito do corpo.

Com recursos de contraste, ampliação de tela e tradutor online para Libras, o Caminho Acessível foi criado a partir da integração de recursos que facilitam a navegação de pessoas com deficiência, obedecendo às especificações do padrão W3C. Além do conteúdo acessível, o site é responsivo e feito em WordPress.

Outro recurso de acessibilidade do Caminho Acessível é o WebLibras, software criado pelo nosso parceiro, a ProDeaf, que traduz textos on-line do português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras). A ferramenta funciona de forma simples e intuitiva, como uma “espécie de Google Translator”. Para ativá-la, é preciso clicar sobre o símbolo internacional da surdez (orelha azul cruzada por um traço branco) – e, se necessário, o próprio sistema indicará a instalação de um plug in. Depois disso, basta selecionar o trecho desejado e a tradução será feita por Artur, um avatar em 3D.

A ideia do site, segundo sua fundadora, é difundir e trocar informações sobre variados temas ligados à acessibilidade e à inclusão, de maneira leve e sem ‘coitadismos’.

Mundo em Espiral - depoimento - edição 8

Fonte: Mundo em Espiral

comentários comente

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *